Plano de saúde para aposentados

By | abril 23, 2015

planodesaudeaposentadosVocê, aposentado, sabia que pode continuar com o seu plano de saúde mesmo após ser desligado da empresa que trabalhava? Esse direito é mantido por uma lei que rege os planos de saúde, no entanto ainda é desconhecida por muitos, que acabam perdendo o beneficio. A mesma lei que rege o plano de saúde para aposentados também é valida para quem foi demitido sem justa causa, com certa quantidade de contribuição no plano de co-participação. A partir do desligamento com a empresa, o aposentado assume a despesa com o plano de saúde integralmente, mantendo assim, as mesmas condições contidas no contrato.

O cliente continua com todos os benefícios, inclusive os dos dependentes, as condições de assistências médicas e atendimentos, bem como os valores das contribuições. Os prazos de carência são inexistentes, tendo em vista que o plano de saúde continua o mesmo, o aposentado e seus dependentes já eram cliente antes, a alteração foi apenas na forma de pagamento, que agora passa a ser integral e não tem mais vinculo com a empresa.

Essa lei é válida para todos os planos contratados a partir de janeiro de 1.999 ou planos adaptados à lei 9656 de 1.998. O período de contribuição é contado independente da data de ingresso do beneficiário no plano de saúde.

Os aposentados com mais de dez anos de contribuição têm direito a permanecer no plano por quanto tempo desejarem, os com tempo inferior a dez anos podem permanecer no plano dependendo do tempo de contribuição, a cada um ano dá direito a mais um.

Agora, se você nunca teve um plano de saúde e pretende contratar um depois de aposentado, fique atento às propostas que as seguradoras lhe oferecem, bem como o prazo de carência e as coberturas contidas no plano, principalmente no que se diz respeito a doenças preexistentes. Atente também à mensalidade, de acordo com a faixa etária o valor da mensalidade do plano tende a aumentar também.

 

Deixe uma resposta