Plano de saúde para cirurgia plástica

By | fevereiro 9, 2015

A preocupação com estética é cada vez maior entre os brasileiros. Através da pesquisa feita ano passado pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética foi constatada a realização de 1.491.000 procedimentos cirúrgicos desse tipo no Brasil, que corresponde a quase 13% do número mundial e fez com que nosso país ficasse em primeiro lugar no ranking, passando os Estados Unidos. Em consequência, uma dúvida frequente é: existe um tipo específico de plano de saúde para cirurgia plástica?

E a resposta é sim. Isso porque, quando a pessoa decide fazer uma cirurgia dessa espécie é ligada a prevenção ou tratamento de problema de saúde – como a redução de estômago para obesos, a rinoplastia no caso da cirurgia de desvio de septo ou a reconstrução de mama retirada por consequência de câncer, por exemplo – tem o direito, previsto pela regulamentação a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), de ser coberto pela operadora. Do contrário, quando o beneficiário pretende utilizar o plano de saúde para cirurgia plástica meramente estética, a empresa tem somente a obrigação de cobrir apenas consultas e exames pré-operatórios.

Plano de saúde para cirurgia plástica

Como contratar um plano de saúde para cirurgia plástica?

Se você deseja contratar um plano de saúde para cirurgia plástica, seja ela qual for, basta entrar em contatos com operadoras de sua região e consultar produtos que ofereçam este tipo de cobertura. Provavelmente o plano estará entre  os mais complexos, justamente devido a não necessidade de cobertura. É importante também, perguntar antes de contratar o serviço, a carência para esse tipo de procedimento. Na tabela da ANS, para cirurgias, o prazo máximo de carência é de 180 dias, mas este período varia de operadora para operadora, e também em relação ao plano contratado.

Dica sobre cirurgias plásticas

É importante sempre se preocupar com cirurgias plásticas. Mesmo que você deseje fazer uma para aumentar sua autoestima e bem estar, deve se perguntar se ela é realmente importante. Compreenda também que algumas cirurgias podem causar danos irreversíveis, tanto esteticamente falando quanto em relação a saúde. Seja consciente e cuide bem do seu corpo.

 

Deixe uma resposta